Qualidade do Ar - Comercial: o mercado está mudando

Qualidade do Ar - Comercial: o mercado está mudando

Há um interesse crescente na qualidade do ar interno (QAI) de gerentes de instalações, proprietários de edifícios e empregadores. Tornou-se parte do planejamento e do projeto, tanto em novas construções quanto na remodelação de estruturas existentes. Esse aumento da conscientização significa que era apenas uma questão de tempo até que o QAI Comercial se tornasse parte da conversa imobiliária.

As partes interessadas no ambiente construído precisam tornar os prestadores de serviços comerciais de QAI uma parte da equação nesse mercado em mudança. O não tratamento das questões da QAI coloca os ocupantes da construção em risco e também há consequências financeiras para os empregadores. Isso também coloca os proprietários em grande desvantagem no mercado imobiliário comercial, pois as certificações da QAI se mostram mais atraentes para os potenciais compradores.

 

QAI e mudança do mercado imobiliário

 

- Os ocupantes do prédio:

A qualidade do ar interno é questão de segurança. À medida que aprendemos mais sobre o vínculo entre a qualidade do ar e a saúde, começamos a ver maneiras de lidar melhor com esse problema. A QAI insuficiente, em muitos casos, causa a Síndrome do Edifício Doente (SED) e a população desta edificação está ciente de que mofo, filtros de ar sujos e ventilação inadequada podem causar sintomas como dores de cabeça, náusea e fadiga. Melhorar a saúde dos funcionários significa melhorar o bem-estar e mais produtividade. É por isso que os empregadores procuram edifícios equipados para lidar com questões da QAI.

 

- A conformidade não é mais opcional:

Altos níveis de compostos orgânicos voláteis (COVs) e dióxido de carbono (CO2) podem afetar o funcionamento cognitivo. Sabemos há muito tempo que existe a conexão entre a QAI e o SED. Um aumento nos regulamentos de saúde relacionados a QAI forçará a conformidade eventualmente. É muito melhor para os gerentes de instalações e proprietários de edifícios serem proativos. Em 2018 foi sancionada a lei federal 13.589 que dispõem sobre o Plano de Manutenção, Operação e Controle e a QAI e alguns municípios estão agindo de forma a aumentar a fiscalização com intuito final de melhorar a saúde das pessoas.

 

- A QAI comercial diz respeito a proprietários, operadores e empregadores de edifícios:

Proprietários e operadores de edifícios podem não estar no local todos os dias, mas a saúde de seus inquilinos os preocupa. Não são apenas os proprietários e operadores de edifícios que se preocupam com a QAI, os empregadores também. Eles se preocupam com o impacto da QAI em seus funcionários, mas também entendem que isso afeta seus resultados. Uma empresa que falha em resolver os problemas da QAI não está focada nos funcionários e logo ganhará uma reputação por isso. As certificações de saúde e bem-estar relacionadas a QAI comercial satisfarão os ocupantes atuais e tornarão as instalações mais atraentes para os futuros inquilinos.

 

- O custo não é mais proibitivo:

A boa notícia é que o custo de lidar com a QAI comercial não é proibitivo. O não cumprimento tem custos muito maiores. O monitoramento de sistemas de Ar Condicionado (HVAC), por exemplo, permite que os gerentes tomem medidas para resolver problemas. É possível manter condições saudáveis devido à coleta de dados objetivos. Já há monitores de QAI que monitora a qualidade do ar interno e a mede em tempo real por meio de um módulo de tomada all-in-one. O monitoramento 24 horas é fornecido através de sensores colocados em zonas em todo o edifício. Isso permite que o responsável técnico, assim como a equipe da manutenção, acesse as estatísticas da QAI da visualização do painel permitindo que sejam tomadas ações mais rápidas.

 

- Certificações do QAI apelam para possíveis inquilinos:

À medida que a digitalização do setor imobiliário continuar, as certificações QAI se tornarão mais atraentes. À medida que o apelo da certificação QAI aumenta, faz sentido que os inquilinos comprem e comparem os espaços arrendados. Ter a certificação pode ser um diferencial.

 

Em caso de dúvida, consulte-nos.

www.aerisrs.com.br